sábado, dezembro 17, 2005

Os caminhos da vida...


No mundo de hoje, onde a irreverência está na moda e o cinismo passa até por maturidade, é revigorante e animador que sentimentos e regras simples podem fazer toda a diferença seja na vida das pessoas ou de uma Nação.
Por isso, quero compartilhar com meus amigos e leitores, uma pequena e simples mensagem que Robert Fulghum escreveu há quase vinte anos, como parte do seu livro.
Bom domingo, e Feliz Natal aos que eu não encontrar durante a semana.


"Most of what I really need to know about how to live and what to do and how to be I learned in kindergarten. Wisdom was not at the top of the graduade-school mountain, but there in the sand pile at Sunday School.

These are the things I learned:

Share everything.
Play fair.
Don’t hit people.
Put things back where you found them.
Clean up your own mess.
Don’t take things that aren’t yours.
Say you sorry when you hurt somebody. Wash your hands before you eat.
Flush.
Warm cookies and cold milk are good for you.
Live a balance life – learn some and think some and draw and paint and sing and dance and play and work every day some.
Take a nap every afternoon.
When you go out into the world, watch out for traffic, hold hands, and stick together.
Be aware of wonder."

23 comentários:

Santa disse...

Bela mensagem, realmente nossas melhores lembranças estão guardadas desde a infância.Gestos simples, mas de grandes ensinamentos.
Agradeço o carinho depositado no meu blog foi muito importante. Um beijo no fundo do peito!!!Mesmo de férias preparei um diário de bordo. É preciso ficar atenta, pois em terra de maracutaia nem santa dá mole...rsss
Helena Vasconcelos

gusta disse...

A você que enriquece o meu dia a dia , o meu melhor FELIZ NATAL!!
Beijocas

Nemerson Lavoura disse...

Que texto lindo, Freeman. Muito bonito mesmo. Um Feliz Natal para você também.

N. Cotrim disse...

Belo texto, amigo.

F E L I Z . N A T A L ! ! !

Santa disse...

Passei para brindar a noite de Natal. Dei um tempo nas críticas lá no blog. Sei que os blogs amigos estão vigilantes. Obrigada por tudo. Que tenhas um grande ano de 2006. Bjs.

Santa disse...

Freeman, desculpa se não consigo passar em seu blog diariamente. É que estou de viagem e mal consigo postar do hotel. Como neste País, não faltam assuntos e raivas, ....
Agradeço suas visitas ao blog e sobretudo os comentários.Bjs

Nat disse...

Freeman,

Cheguei até aqui por um link no excelente blog da Santa. Adorei o que vi! Parabéns por seus textos incríveis.

Grande abraço!

Marcos Vasconcelos disse...

Freeman, que beleza de texto! Lembrou-me este outro do evangelho de Mateus:

"Naquela hora, aproximaram-se de Jesus os discípulos, perguntando: Quem é, porventura, o maior no reino dos céus? E Jesus, chamando uma criança, colocou-a no meio deles. E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos tornardes como crianças, de modo algum entrareis no reino dos céus. Portanto, aquele que se humilhar como esta criança, esse é o maior no reino dos céus. E quem receber uma criança, tal como esta, em meu nome, a mim me recebe. Qualquer, porém, que fizer tropeçar a um destes pequeninos que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma grande pedra de moinho, e fosse afogado na profundeza do mar". - Mt 18.1-6

Receba um grande abraço e meus sinceros desejos de um 2006 de sucesso.

Gusta disse...

Be aware of wonder.
Sempre!
Tenha um excelente ano novo junto aos seus.
Beijocas

Aluizio Amorim disse...

Valeu Freeman. Quero deixar aqui o meu abraço a vc e à sua família, desejando um excelente 2006.

Aluízio Amorim
http://oquepensaaluizio.zip.net

Saramar disse...

Lindíssimo texto.
Quem sabe no ano que se aproxima possamos olhar o mundo com um olhar de criança, com mais pureza e sinceridade.

Desejo-lhe um FELIZ 2006, SEM PT
Beijos

Santa disse...

RECEITA DE ANO NOVO
Carlos Drummond de Andrade

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.

FELIZ 2006, Santa.

Anônimo disse...

Freeman,
Just loved the text! I guess one can only be really happy when he learns how to enjoy simple moments. And our lives are full of them. But when we grow old, it is our fault to be always too busy to recognize those simple moments. We are just too busy to be happy!
Rosa

Freeman disse...

Hi Rosa,
Thanks for the note. This text is one of my favorites too. And even, as adults, if we do not have the chance to take a nap every afternoon (some do), we should be smart enough to live a balance life. And, in addition of what Fulghum says, we must include love. No matter if, by some reason or moment, the loved one is a dog, a cat or a friend. Love keeps the bitterness away!
So...enjoy your day!

Anônimo disse...

Great site lots of usefull infomation here.
»

Anônimo disse...

I'm impressed with your site, very nice graphics!
»

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

I have been looking for sites like this for a long time. Thank you! »

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.